quinta-feira, novembro 30, 2006

(Lisboa) UM DIA A FALAR DE TELEVISÃO

4 de Dezembro de 2006
Auditório 1, Torre B
Faculdade de Ciências Sociais e Humanas da Universidade Nova de Lisboa
Av. de Berna, 26-C

UM DIA A FALAR DE TELEVISÃO: DAS AUDIÊNCIAS AOS PÚBLICOS
Entrada Livre

10h Abertura
Presidida por João Sàágua, Director da FCSH-UNL e José Carlos Abrantes
Conferência de Daniel Dayan (CNRS) : La theorie des images dans les nouvelles et la notion de “monstration “
11h Intervalo
11h15 José Pacheco Pereira apresenta o livro Televisão: Das audiências aos públicos, Lisboa, Livros Horizonte/CIMJ, 2006 Abrantes, J.C. e Dayan, D. (orgs.)
13h00 Almoço
14h30 Como se tem avançado no conhecimento dos públicos em Portugal?
Moderador Rogério Santos, Universidade Católica
Os estudos de audiências
Luís Queirós, Marktest
Os estudos qualitativos
Cristina Ponte, Universidade Nova
16h00 Apresentação do livro de Francisco Rui Cádima, A Televisão 'Light' Rumo ao Digital, Media XXI, 2006
A apresentação será feita por Manuel Maria Carrilho.
16h45 Intervalo
17h00 O documentário tem público na Culturgest. E na televisão?
Moderador José Carlos Abrantes
Inês de Medeiros, com visionamento de excertos do seu último filme.
Jorge Wemans, Director da 2:
18h 30m Breve síntese e encerramento por Jorge Listopad

Apoios: CECL, FCG, FCSH-UNL

Mais informações em: http://www.josecarlosabrantes.net/

Creative Commons - Licenças/ direitos de autor sobre fotografias

A versão Portuguesa das Licenças Creative Commons foi lançada no dia 13 de Novembro de 2006 pela UMIC – Agência para a Sociedade do Conhecimento, em parceria com a FCEE-UCP – Faculdade de Ciências Económicas e Empresariais da Universidade Católica Portuguesa e a INTELI – Inteligência em Inovação.

Este lançamento segue-se a um período de trabalho prévio com a iCommons, a entidade que internacionalmente gere estas licenças, que começou há pouco mais de seis meses e envolveu a tradução das licenças e a sua adaptação para o quadro jurídico português, um período de consulta pública, e finalmente a disponibilização destas licenças em Portugal em http://www.creativecommons.pt/ .

(Lisboa) FALAR DE IMAGENS: Comprar imagens de televisão

5 de Dezembro de 2006, às 19h
Livraria Almedina
Atrium Saldanha, Saldanha, Lisboa

Porque estaremos a ver o Lost, os Simpson's? Porque temos visto a Oprah e as telenovelas? Porque não vimos ainda o Nip/Tuck?

  • Como se compram, no mercado internacional, as imagens da nossa televisão?
  • A televisão também tem Pai Natal?
  • Compra-se o melhor, o que faz mais audiências ou o que é o mais barato?
  • Que critérios nos fazem ver o que vemos?
Com
José Navarro, director de programas estrangeiros da SIC
Margarida Vitória Pereira, TVI
Teresa Paixão, RTP

Falar de Imagens é um diálogo com criadores e utilizadores de imagens. Os modos de estas serem fabricadas, os contextos em que nascem e são divulgadas, as utilizações que delas fazemos serão alguns aspectos desta reflexão. A sua leitura será também proposta com exemplos concretos sempre que possível. As imagens estão por todo o lado. A reflexão deve ser sua companheira.

Organização: José Carlos Abrantes e Livraria Almedina

Mais informações em:
www.josecarlosabrantes.net

(Lisboa) CURSO de INICIAÇÃO à Fotografia

9, 16 e 17 de Dezembro de 2006
Museu de Ciência (no Anfiteatro)
Rua da Escola Politécnica 56, 1250-102 Lisboa
(entre o Largo do Rato e o Jardim do Príncipe Real)

por José Romão
Preço: 75 Euros (60 se é estudante ou fez cursos ou passeios Mil Cores)

Mais informações em:
http://www.milcores.pt/cursos/muc_info.htm

quarta-feira, novembro 29, 2006

(Santa Maria da Feira) 10º Festival de Cinema Luso-Brasileiro de Santa Maria da Feira

A acontecer de 3 a 10 de Dezembro de 2006, propõe um confronto saudável entre a cinematografia portuguesa e brasileira.
É um espaço que procura intensamente contribuir para a reconciliação do público com o cinema português e proporcionar uma maior abertura à entrada do cinema brasileiro no nosso país, afirmando deste modo o cinema que fala a nossa língua.
Como grandes eixos programáticos do festival, salientamos a aposta no sentido de descoberta de novos valores (marca indelével do festival), na crescente abertura à exibição em novos suportes e na relação do cinema clássico com as gerações actuais.
O Festival de Santa Maria da Feira é o principal espaço de confronto entre as cinematografias portuguesa e brasileira, reunindo as mais representativas produções do biénio 2005/2006. Durante o certame serão apresentados cerca de 60 filmes nos diversos blocos que constituem a programação, sendo exibidos na sua quase totalidade com a presença dos realizadores e actores.

Programa e outras informações em:
http://www.cineclubedafeira.net/10FEST/index.html

(Lisboa) Nippon Koma - Festival de Cinema Japonês

4 a 9 de Dezembro de 2006, 18h30 e 21h30
Pequeno Auditório da Culturgest
Edifício Sede da Caixa Geral de Depósitos
Rua Arco do Cego 1000-300 Lisboa

Tal como nas lendas japonesas em que os protagonistas vagueiam por mundos de fantasia e realidade, sem terem que decidir entre uma ou a outra, esta nova edição do Nippon Koma explorará mais uma vez os interstícios entre o não-representativo, o representativo e o apresentativo. Enquanto que as animações, curtas e longas, aludem simultaneamente ao inconsciente e ao virtual, ao recorrerem a fábulas e formas que desafiam todas as expectativas sobre o simbólico ou imaginário, os documentários exploram idiossincrasias e tensões sociais passadas e presentes, articuladas em modos por vezes profundamente desconcertantes. No seu conjunto, e por entre os mais diversos hibridismos e particularismos, os trabalhos propostos pretendem garantir mais uma oportunidade para explorar, de forma estimulante e intelectualmente cativante, os territórios em permanente recriação da animação e documentário japoneses.

texto do site

2 Euros (Preço único)

Programa e outras informações em:
http://www.culturgest.pt/actual/nippon_koma.html

(Lisboa) Filme "CAVALCADE"

12 de Dezembro de 2006, 21h00
INSTITUTO FRANCO-PORTUGUÊS
Av. Luís Bivar, 91 1050-143 Lisboa

Com a presença do seu realizador, STEVE SUISSA.
No âmbito do Cinquentenário da Liga Portuguesa dos Deficientes Motores Centro de Recursos Sociais.
BRUNO DE STABENRATH estará presente.

Com TITOFF, MARION COTILLARD, RICHARD BOHRINGER, BRUNO TODESCHINI, BÉRÉNICE BEJO, LAURENT BATEAU e VINCENT MARTINEZ

CAVALCADE 2005
Drama, 90 minutos
Baseado no romance autobiográfico de Bruno de Stabenrath, "Cavalcade", Edição Robert Laffont.

Há homens que têm tudo e outros que têm mais ainda. Léo é como estes. Noctâmbulo, mulherengo impenitente e figura do Jet set, Léo devora a vida como outras pessoas a sonham. Até ao dia em que tudo muda de repente, uma manhã, no fundo de uma ravina. Começa então para Léo uma nova vida num corpo que já não lhe obedece. Porque pensou que estava morto, Léo vai descobrir que está vivo. Porque nem sempre conseguiu amar, vai aperceber-se do que realmente conta. Para ele, mais do que um fim, este acidente marca o percurso de um homem que, emtre os seus, vai tentar reconquistar o que possuía, sem mesmo o saber.

As intenções do cineasta
«Para mim, o desafio deste filme era múltiplo. Queria que o filme pudesse ser visto por deficientes sem que eles pudessem acusar-nos de ter desnaturado a realidade. Desejava também não trair a energia de Bruno e a sua incrível vontade de viver. Finalmente, queria tornar a sua história universal e íntima ao mesmo tempo. O meu maior prazer foi ver o Bruno rir e chorar durante a primeira projecção. O facto de ele ter sido comovido, convencido e orgulhoso foi uma coisa importante para mim (...). Este filme est um verdadeiro hino à vida.» Steve Suissa

terça-feira, novembro 28, 2006

Concurso de curtas em http://www.emcena.com/

"Com o lançamento do novo Emcena decidimos propor um desafio a todos aqueles que têm pela produção de videos e curtas uma paixão especial.

O desafio é muito simples: enviaos teus videos e curtas para o www.emcena.com fazendo o upload no canal de curtas e vídeos. Os trabalhos não deverão, preferencialmente, exceder os 3 minutos... mais do que suficiente para dar largas à tua imaginação e talento.

No final de cada trimestre de 2007 será eleito por votação aberta e online o vídeo do trimestre e os seus criadores merecerão espaço próprio e grande destaque no Emcena.com.

Os 4 vídeos eleitos competirão, em Janeiro de 2008, pelo prémio Emcena: Curta e Video de 2007, prémio que será entregue em Gala a realizar entre Janeiro e Fevereiro de 2008.
Nota: Apenas serão aceites para votação os filmes de membros registados, e onde esteja explícita de alguma forma a autoria dos mesmos, não sendo aceites participações por terceiros."

Mais informações em:
http://www.emcena.com/passatempo5.asp

Mostra de Curtas - Inscrições/Recolha de Trabalhos

Será realizada uma mostra de curtas-metragens no âmbito da VII Semana de História da Arte, na Faculdade de Letras da Universidade do Porto, em Março de 2007.

Estão desde já abertas as inscrições.
Para mais informações acerca do envio das curtas basta consultar o site:http://sha-curtas.blogspot.com

Por megecatt em 2006-11-27 em http://www.emcena.com/artigo.asp?id_artigo=5232

(Arouca) 4º FESTIVAL INTERNACIONAL CINEMA DE AROUCA

1 a 3 Dezembro 2006
Cine - Estúdio BVA

A 4ª edição do aroucafilmfestival - Festival Internacional Cinema de Arouca, realiza-se, no Cine - Estúdio dos Bombeiros Voluntários de Arouca, nos dias 01, 02 e 03 Dezembro de 2006.
O júri de selecção do evento seleccionou 36 extraordinárias obras cinematográficas nacionais e internacionais.
A atribuição dos prémios será da responsabilidade de um júri composto por sete mestres.

Programa em:
http://www.emcena.com/artigo.asp?id_artigo=5242

(Lisboa e porto) Lançamento de Livros

Lisboa
4 de Dezembro de 2006, às 19h30
Sala Luís de Pina da Cinemateca Portuguesa
Rua Barata Salgueiro 39, Lisboa

SALAZAR VAI AO CINEMA – O Jornal Português de Actualidades Filmadas de Maria do Carmo Piçarra.
A sessão será complementada com a exibição de edições do Jornal Português.
A apresentação da obra será feita por João Lopes.
"Salazar Vai ao Cinema- O Jornal Português de Actualidades Filmadas" reflecte sobre o carácter do cinema de propaganda em Portugal e qual o papel – e como foi desempenhado – que as primeiras actualidades cinematográficas estatais, tiveram na veiculação da ideologia do Estado Novo.

Porto
1 de Dezembro, às 17 horas
FNAC do NorteShopping

A EUROPA E PORTUGAL NA IMPRENSA DESPORTIVA – 1893-1945 de Francisco Pinheiro.
A apresentação contará com a presença dos jornalistas Mário Mesquita (Director da Colecção Comunicação), Gabriel Alves e Carlos Daniel.
Pensar a Europa e Portugal, a partir da imprensa desportiva portuguesa, é o principal objectivo deste livro, que deve ser visto como uma espécie de viagem por um tempo conturbado (1893-1945), com os principais jornais desportivos a servirem de guia. Esta longa peregrinação de 52 anos – iniciada quando surge o primeiro jornal desportivo em Portugal e encerrada no ano em que termina a Segunda Guerra Mundial (altura em que este género de imprensa se consolida) – permitiu recuperar, simultaneamente, do baú do esquecimento, reflexões sobre a Europa e Portugal, e um pedaço da esquecida história da imprensa desportiva.

(Lisboa e Coimbra) Daniel Dayan em Portugal, a propósito do seu livro - várias conferências

Daniel Dayan é director de investigação no Centro Nacional de Investigação Científica (CNRS), Paris, membro do Marcel Mauss Institute (École des Hautes Études en Sciences Sociales) e Professor de Sociologia dos Media na Universidade de Geneve. Tem diplomas de Antropologia, Literatura Comparada, Semiótica e Estudos Fílmicos pela Stanford University, Sorbonnne e École des Hautes Études en Sciences Sociales, na qual se doutorou em Estética.

O que é o livro Televisão: Das Audiências aos Públicos
Este livro tem contributos de Carlos Fogaça, Daniel Dayan, Dominique Mehl, Eduardo Cintra Torres, Eliseo Veron, Guillaume Soulez, Jean Pierre Esquenazi, John Fiske, José Carlos Abrantes, Jostein Gripsrud, Sabine Chalvon e Todd Gitlin. O livro inclui também uma síntese elaborada por Felisbela Lopes a partir de contributos de António José da Silva, Isabel Ventura, José Jorge Barreiros e Tito Cardoso e Cunha

"Televisão: das audiências aos públicos" tem origem num colóquio organizado pelo Centro de Investigação Media e Jornalismo, na Fundação Calouste Gulbenkian. Aí, Daniel Dayan fez uma intervenção em que se referiu aos públicos de televisão. Na altura questionei o conferencista. A resposta, aludindo à necessidade de criar tipologias de públicos, levou-me a planear e concretizar, em colaboração com este investigador, um outro momento de palavra, um curso da Arrábida.” José Carlos Abrantes (Org)

Conferências de Daniel Hayan:
LISBOA
4 de Dezembro de 2006 (das 10h às 17h)
Universidade Nova, Avenida de Berna 26-C
Um dia a falar de televisão

5 de Dezembro às 17h00
Escola Superior de Comunicação Social de Lisboa (ESCS)
“O terror global – na perspectiva das relações do terrorismo com os média”
A conferência será proferida em inglês.

6 de Dezembro de 2006, das 17h às 19h 30m
Instituto de Ciências Sociais
Avenida Professor Aníbal de Bettencourt, 9 Lisboa
“A investigação em comunicação: discussão em redor de alguns projectos”. Sessão com estudantes de pós graduação e investigadores realizada no âmbito do seminário de Teoria Social e Pensamento Contemporâneo orientado por José Luís Garcia. No Instituto de Ciências Sociais – Universidade de Lisboa

COIMBRA
Universidade de Coimbra, Faculdade de Letras
Dia 7 de Dezembro, às 11h
"O espectáculo do terror e os media" . A conferência será proferida em inglês.

Às 12h, no mesmo local
Apresentação do livro Abrantes , J.C. e Dayan, D (org.), Televisão: Das audiências aos públicos, Lisboa, Livros Horizonte/Cimj, 2006. Apresentação por Isabel Ferin, directora do Instituto de Estudos Jornalísticos (Faculdade de Letras da Universidade de Coimbra) e por João Paulo Moreira, Faculdade de Letras da Universidade de Coimbra

As iniciativas previstas para Lisboa são organizadas por José Carlos Abrantes em colaboração com o Instituto de Ciências Sociais, o Departamento de Ciências da Comunicação da Universidade Nova e a Escola Superior de Comunicação Social. Têm o apoio do Centro de Estudos de Comunicação e Linguagem (CECL), do Instituto Franco Português e da Fundação Calouste Gulbenkian.

As iniciativas previstas para Coimbra são organizadas por José Carlos Abrantes em colaboração com o Instituto de Estudos Jornalísticos da Faculdade de Letras da Universidade de Coimbra.

segunda-feira, novembro 27, 2006

(Coimbra) Ciclo Design:COMUNICAR DESIGN


30 de Novembro de 2006, 21h00
Almedina Estádio Cidade de Coimbra

Com:
João Bicker, Designer
João Nunes, Designer

Organização: Livraria Almedina, Centro Português de Design e Ideias Concertadas

Livraria Almedina
Estádio Cidade de Coimbra
Rua D. Manuel I, n.° 26 e 28Coimbra

(Lisboa) Workshops e encontros de Escrita

C.E.M.
Rua dos Fanqueiros, 150, 1º 1100-232 Lisboa
Tel: 21 887 1917 (9h30 às 21h).

De 04 a 07 de Dezembro de 2006
Escrita Criativa por Possidónio Cachapa
O Outuno é a época da queda das folhas e do arrumar da casa. A altura em que nos interrogamos sobre o que já somos, as suspeitas do que fostaríamos de ser e os passos que nos conduzirão à coisa mais próxima desse objectivo.Nas aulas de escrita criativa de Possidónio Cachapa, aprende-se a respirar. Isto é, a olhar para dentro e a ver o que cada um tem para dizer. Não se ensina lá muita técnica, benza-o Deus, porque se acredita mais que os escritores já dormem dentro de si próprios desde que nascem. Mas trabalha-se e às vezes dói.
Através de exercícios práticos, da imaginação mais fantasiosa, cada pessoa tomará consciência do que gosta de fazer no domínio da escrita e das suas potencialidades. No final, espera-se, alguns estarão mais seguros das suas capacidades literárias, outros apenas mais felizes
.Um workshop intensivo desaconselhado a génios incompreendidos. Ali, é só literatura...
Preço: 70€

As sessões acontecem às quintas, semanalmente.
O Lisboa ao Correr da Pena
"O Lisboa ao Correr da Pena" pretende ser um grupo de pessoas que gosta de escrever e que quer experimentar e questionar o que é que essa escrita pode ser. Escrever, falar, andar à descoberta, encantar-se com o que acontece e ficar curioso com o que não acontece....
Informações actualizadas em: www.lisboaaocorrerdapena.blogspot.com
Preço de cada sessão 5€
Para mais informações contactar a Margarida Agostinho (pode tb ser pelo e-mail: margaridaagostinho@c-e-m.org)

Textos de: http://www.c-e-m.org/formacao/workshops/proxmes/workshops.htm

(Lisboa) Workshop de Som Utilização de tecnologias na criação musical

De 15 a 19 de Janeiro de 2007 das 15h00 às 18h00
C.E.M.
Rua dos Fanqueiros, 150, 1º 1100-232 Lisboa
Tel: 21 887 1917 (9h30 às 21h).

Por: Nuno Gelpi

Programa:
1. Objectivos: O objectivo deste workshop é a exploração dos sons à nossa volta.Através da utilização de ferramentas básicas de manipulação sonora, pretende-se experimentar as possibilidades de mistura, gravação e edição de sons gerados durante o próprio workshop e a sua utilização na construção de uma peça musical.
2. Descrição: Utilizando microfones, mesa de misturas, computador e um sampler; iremos abordar técnicas de gravação e edição como o sampling e a construção de loops, e a sua utilização num contexto de performance ao vivo.

Preço: 75€

domingo, novembro 26, 2006

(Lisboa) debate sobre O Fim da Televisão

29 de Novembro de 2006, 18h30
Jardim de Inverno do Teatro São Luiz
Rua António Maria Cardoso, 38 1200-027 Lisboa
tel 213 257 640

Mais uma iniciativa das Produções Ficticas, integrada no ciclo "É a Cultura, Estúpido!"

A televisão tal como a conhecemos acabou? Ainda faz sentido dizer que há canais generalistas? Ainda faz sentido investir em intervalos publicitários? Ainda faz sentido falar sequer em televisão num mundo de convergência tecnológica em multiplataformas?
Qual o futuro da televisão no tempo do YouTube, da IPTV, da TiVo, da TvMobile...? O que vai mudar na produção contemporânea de conteúdos audiovisuais numa altura em que a tecnologia nos abre novas possibilidades a cada dia?

Manuel Falcão , Jornalista, Director da 2: entre 2003 e 2005 e actual Director-Geral
da Agência Nova Expressão
Francisco Rui Cádima , ensaista, membro fundador da SOPCOM e Professor no Departamento de Ciências da Comunicação da Universidade da Universidade Nova de Lisboa

debatem com
Nuno Artur Silva, Pedro Mexia e Nuno Costa Santos "O Fim da Televisão (tal como a conhecemos)".

Daniel Oliveira e José Mário Silva farão o "Relatório do Mês".

Entrada Livre

sábado, novembro 25, 2006

(Barreiro) 3º Out.Fest - Encontros de Música e Imagem do Barreiro

De 28 de Novembro a 16 de Dezembro de 2006
Espaços que recebem o festival:
Auditório Municipal Augusto Cabrita, Oficina de Teatro Mário Pereira (Teatro de Ensaio do Barreiro), Espaço J, Espaço Chapelaria, Cineclube do Barreiro e Grupo Desportivo dos Ferroviários do Barreiro.

As últimas produções de músicos experimentais portugueses que exploram as fronteiras de géneros estarão em destaque no 3º Out.Fest.

Organizado pelas editoras Merzbau e Searching Records, o Out.Fest - Encontros de Música e Imagem do Barreiro aposta em «novas abordagens e linguagens nas artes» e em autores empenhados «numa procura e pesquisa das vertentes mais experimentais e multidisciplinares das expressões artísticas».

O festival, que decorrerá em vários espaços culturais de Barreiro, abre-se pela primeira vez às artes visuais, com exposições de fotografia, multimédia e video-arte.

O programa pode ser encontrado em:
http://www.palcoprincipal.com/eventos/festival/out_fest_2006

quinta-feira, novembro 23, 2006

Serviço profissional de criação/optimização de Curricula Vitae

Não é necessariamente da área da Comunicação mas pode ser útil a muita gente.

Um CV criado por um profissional de Recursos Humanos. É pago, claro está.

Mais informações em:
http://empregos.online.pt/cv/

Grupos de media aproximam-se da indústria musical

Depois da criação da Farol Música no seio do grupo Media Capital, a Impresa prepara-se para também investir no sector através da aquisição da Som Livre. Explica o DE que “a empresa liderada por Pinto Balsemão informou hoje o mercado que foi notificada da decisão de não-oposição por parte da Autoridade da Concorrência (AdC) relativa à totalidade do capital social da sociedade Som Livre - Som e Imagens, Lda. (...) detém por seu turno a totalidade do capital social da Som Livre - Gestão de direitos autorais”. [ler]

post de: http://netfm.blogspot.com/

(Lisboa) Performance: estudos

29 de Novembro de 2006, 18h30
Pequeno Auditório
Culturgest
Edifício Sede da Caixa Geral de Depósitos
Rua Arco do Cego 1000-300 Lisboa

Performance/Multimédia: Relação entre a performance e as novas tecnologias.

com: Pedro Tudela, artista plástico; colabora com o grupo Virose; co-fundador e um dos elementos do projecto de música electrónica @c; co-fundador e um dos elementos da media label crónica.

Ciclo de conferências que tem como ponto de partida o exercício da performance nas artes plásticas mas, pretendendo, complementarmente, abranger algumas extensões temáticas que contribuem para a definição da natureza individual de cada performance.

Entrada Gratuita (Levantamento de senha de acesso 30 minutos antes do início da sessão, no limite dos lugares disponíveis)

Mais informações em:
http://www.culturgest.pt/actual/performance.html

quarta-feira, novembro 22, 2006

(Lisboa, Amadora, Porto, Coimbra e Setúbal) Estreia do filme "JUVENTUDE EM MARCHA"

23 de Novembro de 2006

JUVENTUDE EM MARCHA (2006- Portugal / França / Suíça), o novo filme de Pedro Costa

Lisboa - Cinema Nimas
Amadora - Cineteatro Recreios da Amadora
Porto - Cinemas Cidade do Porto
Coimbra - Cinemas Dolce Vita
Setúbal - Cinema Charlot

Este novo filme continua e prolonga o trabalho que Pedro Costa tem realizado ao longo dos últimos anos junto da comunidade cabo-verdiana do bairro das Fontaínhas, de que resultaram os filmes OSSOS e NO QUARTO DA VANDA, ambos reconhecidos e aclamados nacional e internacionalmente.

JUVENTUDE EM MARCHA é um olhar sobre as transformações radicais que as comunidades destes bairros 'degradados' estão actualmente a sofrer e adopta o ponto de vista de Ventura, um imigrante caboverdiano, operário da construção civil, reformado, que assiste aos últimos dias da sua 'cidade de barracas' e às profundas mudanças de comportamento e relação que o realojamento num outro bairro dito 'social' vem estabelecer. O princípio de uma nova vida mais digna, legal e salubre mas também o fim de uma certa ideia de vivência e solidariedade inventada num quotidiano precário.

JUVENTUDE EM MARCHA foi votado pelas revistas Cahiers du Cinema (França), Film Comment (Estados Unidos), Letras de Cine (Espanha) e Film Critica (Itália) o melhor filme de Cannes 2006.

(Coimbra) CICLO DESIGN: do projecto ao objecto: o design no espaço público


23 de Novembro de 2006, 21h00
Almedina Estádio Cidade de Coimbra

Com:
Cristovão Pereira, Designer
Sofia Águas, Designer

Organização: Livraria Almedina, Centro Português de Design e Ideias Concertadas

Livraria Almedina
Estádio Cidade de Coimbra
Rua D. Manuel I, n.° 26 e 28
Coimbra

(Lisboa) FESTA DOS LIVROS GULBENKIAN 2006

24 de Novembro a 22 de Dezembro de 2006

"A realização da Festa dos Livros Gulbenkian 2006, surge enquadrada na estratégia de promoção e divulgação das publicações editadas pela Fundação e dá continuidade ao projecto Feira iniciado em Abril de 2005. Este ano a época escolhida, o Natal, servirá de incentivo adicional às compras pois além das aquisições para consumo próprio poderemos dar lugar às aquisições para a família e amigos.
A realização deste evento durante o ano do cinquentenário da Fundação fará ainda um elogio às edições editadas ao longo de todos estes anos de actividade, contribuindo deste modo para as comemorações."
Texto completo em: http://www.gulbenkian.pt/noticias.asp?id=211

Horário de Funcionamento:
Domingo a quinta-feira: 12.00h às 22.00h
Sexta-feira/sábado e feriados: 12.00h às 24.00h
Local: Piso 02 da Sede Da Fundação

terça-feira, novembro 21, 2006

NOVA LEI DE TELEVISÃO


Os jornais escrevem hoje sobre a nova lei de televisão, cuja proposta governamental já está pronta. Pincipais pontos, aqui.

Anteprojecto de Proposta de Proposta de Lei da Televisão, aqui.

Reestruturação da Rádio e Televisão de Portugal, aqui.

(Lisboa) IMAGENS SOBRE MÚSICA - Mostra de Filmes Documentários (2ª edição)

Dias 21 a 25 de Novembro (Terça-feira a Sábado)
Fonoteca Municipal de Lisboa
Praça Duque de Saldanha
Edifício Monumental
Galeria Comercial, Loja 17
1050-094 Lisboa

Na prossecução dos seus objectivos de divulgar a música em geral, e da portuguesa em particular, nas suas várias expressões, a Fonoteca Municipal de Lisboa promove Imagens sobre Música – Mostra de Filmes Documentários (2ª Edição).

Constituída por um conjunto de nove títulos de duração variável, Imagens sobre Música pretende divulgar os mais recentes filmes documentários de temática musical produzidos em Portugal.
Abrindo com um filme em estreia, nesta 2ª edição cruzam-se aspectos multifacetados da vida musical portuguesa – o trajecto de algumas bandas rock actuais, a preparação da Marcha num bairro lisboeta, os processos de montagem de uma produção operática, os discursos em torno de tradições musicais e o percurso biográfico de compositores e intérpretes incontornáveis da cena nacional.

Entrada livre.
Programa:
21 Novembro (Terça-feira)
[18:00] Humanos – A Vida em Variações* (32’) [estreia] realiz. António Ferreira; prod. Zed Filmes – Curtas e Longas, 2006.
[18:40] Ópera Aberta (75’) realiz. Leonor Areal; prod. Videamus e Teatro da Trindade/Inatel, 2005.

22 Novembro (Quarta-feira)
[18:00] Na Pele do Urso (28’) realiz. Madalena Miranda; prod. Fundação Calouste Gulbenkian, 2004.
[18:40] The Art of Amália (90’) realiz. Bruno de Almeida; prod. Valentim de Carvalho e Arco Films, 2004.

23 Novembro (Quinta-feira)
[18:00] Rockumentário (40’) realiz. Sandra Castiço; prod. Zed Filmes – Curtas e Longas, 2006.
[18:50] O Candidato Vieira (74’) realiz. Bruno de Almeida; prod. Valentim de Carvalho e Arco Films, 2004.

24 Novembro (Sexta-feira)
[18:00] Gosto de ti como és** (57’) realiz. Sílvia Firmino; prod. Laranja Azul e EGEAC, 2005.
[19:10] Movimentos Perpétuos – Tributo a Carlos Paredes*** (70’) realiz. Edgar Pêra; prod. Corda Seca, 2006.

25 Novembro (Sexta-feira)
[18:00] Encontros**** (115’) realiz. Pierre-Marie Goulet; prod. Costa do Castelo Filmes, Athanor e Zarafa Films, 2006.

*Estreia
**Prémio Melhor Documentário Português do Festival DocLisboa 2005
***Prémio Melhor Longa-metragem Portuguesa, Prémio Melhor Fotografia para Filme Português e Prémio do Público para Longa-metragem do Festival Indie Lisboa 2006
****Prémio Melhor Som do FID Marseille 2006

Informações do site:
http://webserver.cm-lisboa.pt/fonoteca/index2.htm

(Lisboa) Hola Lisboa - Festival de Cinema Ibérico

7 a 17 de Dezembro de 2006
Cinema S. Jorge
Av. Da Liberdade, Nº 175

COMPETIÇÃO OFICIAL 2006
O Hola Lisboa apresenta os 24 filmes em competição, entre as categorias:
- Longas-metragens +info
- Curtas-metragens + info
- Documentários + info
- Competição entre escolas + info

"Best of" Animação Portuguesa
O Hola Lisboa apresenta os melhores filmes de animação portuguesa de todos os tempos. + info

Desayuno de los productores
O "Desayuno de los productores" é um encontro entre produtores organizado pelo Hola Lisboa com o propósito de promover parcerias e criar oportunidades de co-produção. O encontro terá lugar durante um pequeno-almoço no dia 8 de Dezembro a partir das 10:30h no bar do cinema S. Jorge. +info

WORKSHOP - TORTURA
Edgar Pêra apresenta novo conceito para o Workshop de criação de video.
Este workshop decorrerá durante os cinco dias do Festival. Aos realizadores dos dois melhores trabalhos será atribuída uma bolsa de formação com a duração de seis meses, na ESCAC, em Barcelona. Uma em argumento e outra em Documentário. +info

Estas e outras informações em:
http://www.holalisboa.com/

segunda-feira, novembro 20, 2006

(Lisboa) CULTURA DE MASSAS EM PORTUGAL NO SÉCULO XX

3ª sessão do II Seminário de Investigação (2006/2007)
21 de Novembro de 2006, 18h – 20h
Sala de Reuniões, 7º piso, Torre B
Faculdade de Ciências Sociais e Humanas da Universidade Nova de Lisboa
Av. de Berna, 26-C, Lisboa

"Fonógrafos e Gramofones: o comércio de música gravada em Portugal." por: Cândido Gonçalo.

Organização: Centro de Estudos Interdisciplinares do Século XX da Universidade de Coimbra e Instituto de História Contemporânea da Universidade Nova de Lisboa.

domingo, novembro 19, 2006

(Leiria) "RÁDIO - UM PRODUTO COM MARKETING"


23 de Novembro de 2006, 15h00
Escola Superior de Educação do Instituto Politécnico de Leiria
Rua Dr. João Soares

Subordinado ao tema "Rádio - Um Produto com Marketing", este encontro irá decorrer nas instalações da Escola Superior de Educação do Instituto Politécnico de Leiria.Tendo por objectivo sensibilizar os operadores para a importância e necessidade de adopção de uma boa política de Marketing para a Rádio, este encontro tem já confirmadas as seguintes presenças:
- Dr. João Xavier Lobo, Director de Marketing e Comunicação do Grupo Renascença;
- Walter Marcos, profissional de Rádio e responsável pelo Projecto de Rádio da Escola Superior de Educação de Leiria.

Este será o último Seminário a promover este ano pela Associação Portuguesa de Radiodifusão APR).

Mais informaçõs em:
http://www.apradiodifusao.pt/destaque.php?id=116

sábado, novembro 18, 2006

Canal internacional em português dia 25

por Susana Pinheiro

"CLP TV. É este o nome do novo canal televisivo, falado em português e destinado às comunidades lusófonas, que começa a emitir, em fase experimental, no próximo dia 25, a partir de Paris, França, para toda a Europa. Numa fase posterior, seguir-se-ão África e continente americano, o que deverá acontecer em 2007, segundo o administrador do canal António Morais Cardoso, que quer uma televisão de proximidade e que dê voz às comunidades de língua oficial portuguesa. "

todo o artigo em: http://dn.sapo.pt/2006/11/18/media/canal_internacional_portugues_25.html

sexta-feira, novembro 17, 2006

(Coimbra) LANÇAMENTO DO LIVRO: DIÁRIOS GENERALISTAS PORTUGUESES EM PAPEL E ONLINE


de: António José Lopes da Silva

20 de Novembro de 2006
Almedina Estádio Cidade de Coimbra

A obra será apresentada por António Granado, jornalista do Público.
Livraria Almedina, Estádio Cidade de Coimbra
Rua D. Manuel I, n.° 26 e 28 Coimbra

quinta-feira, novembro 16, 2006

(Braga e Baião) COMUNICAÇÃO SOCIAL E OS PORTUGUESES NO MUNDO

17 de Novembro de 2006
Universidade do Minho, no Campus de Gualtar, em Braga
18 e 19 de Novembro de 2006
Casa da Juventude, Baião

A comunicação social desempenha um papel fulcral na construção da imagem das comunidades em Portugal e de Portugal nas várias comunidades. Neste sentido, a Associação Rosa Azul está a preparar um congresso, em parceria com o Instituto de Ciências Sociais da Universidade do Minho e com a Câmara Municipal de Baião, tendo o apoio do Grupo de Alunos de Comunicação Social da Universidade do Minho.
Pretendemos, com esta iniciativa, contribuir para uma maior e melhor informação sobre a realidade dos meios de comunicação social, especificamente dirigidos às comunidades portuguesas, mas também provocar uma reflexão colectiva sobre o modo como os media nacionais retratam os portugueses residentes no estrangeiro.

Inscrição gratuita

Programa e outras informações em:
http://rosaazul.org/congresso-internacional/congresso2006/1

(Almada, Caparica, Lisboa e Torres Novas) Mostra de cinema africano

15 a 26 de Novembro de 2006 Já começou!

Almada
Fórum Municipal Romeu Correia - Auditório Fernando Lopes Graça
16 a 23 de Novembro de 2006
Museu da Cidade
24 a 26 de Novembro de 2006

Monte da Caparica
Faculdade de Ciências e Tecnologias da Universidade Nova de Lisboa
15, 17, 22 e 24 de Novembro de 2006

Lisboa
Cinemateca Portuguesa
18 de Novembro de 2006

Torres Novas
Câmara Municipal de Torres Novas - Cine-teatro Virginia
28 a 30 de Novembro de 2006

Mais informações em:
www.festivalmca.com

(Lisboa) Workshop de edição criativa em viedo (Avid XPress Pro)

18, 19 e 25 e 26 Novembro de 2006
Restart
Cais português lote 2.11.01 Ac (por cima Sabor a Brasil) Parque das Nações 1990-223 Lisboa
Tel 218923570
email info@restart.pt

OBJECTIVOS Pretende-se que os participantes absorvam os princípios básicos de montagem e pós-produção e que os saibam aplicar criativamente e com qualidade em qualquer projecto que lhes seja colocado, independentemente do software que estão a utilizar.

CONTEÚDOS Iniciação às áreas da montagem e pós-produção: das teorias da montagem às técnicas especiais de construção de efeitos. Ainda que a ferramenta usada seja o software Avid XPress, o workshop não será orientado no sentido da exploração da ferramenta como um fim, mas sim como um meio para chegar a um fim. A sua utilização será pois entendida e especialmente orientada para a aplicação em projectos.
Criatividade e construção narrativa são pois as preocupações a manter em perspectiva.

Horário 10h-19h
vagas 16 (min 10)

PREÇO: Pagamento integral até 1 semana antes do inicio
Inscrição: 50 €
+Geral 145€
Alunos/Formadores/Cartão Restart 120 €
2 Workshops - 10% desconto no 2º

Mais informações em:
http://www.restart.pt/

(Lisboa) Workshop de FOTOGRAFIA DE VIAGEM

18, 19, 25 e 26 Novembro
Restart
Cais português lote 2.11.01 Ac (por cima Sabor a Brasil) parque das nações 1990-223 Lisboa
Tel 218923570
email info@restart.pt

OBJECTIVOS Pretende-se que os participantes absorvam os princípios básicos da fotografia e que a saibam aplicar criativamente e com qualidade em qualquer projecto que lhes seja colocado, independentemente do meio e tipo de fotografia que estão a utilizar.

CONTEÚDOS Apresentação e troca de ideais.Historia da fotografia: os primórdios.Para que serve a fotografia?!Quais os caminhos a seguir dentro do mundo fotográfico.Quais a diferenças e tipos de fotografia.A Maquina fotográfica: Lentes, exposição, temperatura de cor e sensibilidade.Máquinas e processos analógicos e digitais.Contacto com a Maquina Fotográfica.Como preparar uma reportagem fotográfica de 6 meses ou mais?Como pesquisar na Internet? Onde dormir? O que visitar? O que fotografar e a que horas? Como apresentar uma reportagem? A quem mostrar? Sites, mostras e concursos.Apresentação da Reportagem

Horário: 10-19h (24horas)
Vagas 16 Participantes(mínimo 10)

Preço
Inscrições 50€
Geral +145€
Alunos/ Formadores/ Cartão Restart +120€
2 Workshops - 10% desconto no 2º

Mais informações em:
http://www.restart.pt/

(Évora) FIKE - Festival Internacional de Curtas Metragens de Évora

Adiamento do Festival

A Organização do FIKE – Festival Internacional de Curtas Metragens de Évora lamenta informar a necessidade de adiar a edição deste ano do Festival. Apesar de todos os esforços desenvolvidos na diversificação dos apoios – única forma de manter a independência do Festival – existem sempre apoios fundamentais para a realização de um evento como o FIKE – Festival Internacional de Curtas Metragens de Évora. Dois importantes apoios que viabilizariam a edição deste ano do Festival foram suprimidos à última hora, tornando financeiramente impossível a realização do Festival.

Mais em:
http://www.fikeonline.net/2006/

quarta-feira, novembro 15, 2006

(Beja) Animatu - Festival de Cinema de Animação Digital

De 15 a 19 de Novembro - Já começou!
Cine-Teatro Pax Julia

"E porquê o digital? Porque era um "espaço" que ao nível dos festivais em Portugal se encontrava em aberto... a evolução da tecnologia trouxe muitas outras técnicas diferentes de animar e encontrou novas formas de difusão. A produção nacional é também suficiente para validar a existência de um festival como este"

Projecções, conferências/ conversas e workshops compõem o programa.

Mais informações em:
http://www.festivalanimatu.com/main.htm

O Cine-Teatro Pax Julia situa-se no centro da cidade de Beja, junto ao Museu Regional e a 100 metros da Praça da República. Para além do estacionamento nas ruas circundantes, existe um parque de estacionamento a 100 metros (todo o estacionamento é pago durante os dias da semana até às 19h). Pode optar por tentar estacionar junto ao Castelo, a uns 500 metros, sendo que aqui não existem parquímetros.

terça-feira, novembro 14, 2006

(Porto) Alquimia da Cor - Vários Cursos

A Alquimia da Cor, escola situada no Porto, oferece formação prática em várias áreas, entre elas produção gráfica, fotografia digital, macromedia flash, desenho e produção digital de projectos.

O curso de produtor multimédia é uma das opções da formação avançada e orienta-se essencialmente para:
- produção de ambientes multimédia interactivos, on-line e off-line
- planificação e coordenação de projectos multimédia
- domínio das tecnologia do som, vídeo e fotografia digital

O curso tem 200 horas de duração e distribui-se em 4 horas diárias (em horário laboral ou pós laboral).

Para mais informações sobre custos e modo de inscrição: http://www.alquimiadacor.pt/start.htm (clicar em "Produtor Multimédia").

ALGARVE FILM COMMISSION – AFC

O Algarve pode vir a tornar-se numa espécie de Hollywood à portuguesa ao abrigo da Algarve Filme Comission (AFC), estrutura apresentada oficialmente no passado mês de Outubro.

O objectivo é promover a região como destino para produções cinematográficas.

O actor Joaquim de Almeida, que ocupa o cargo de presidente da Assembleia Geral da associação, fez as honras de apresentação da AFC, numa cerimónia realizada em Albufeira e organizada pela Região de Turismo do Algrave (RTA).

O objectivo da AFC, constituida em Maio passado, após dois anos de análise de viabilidade do projecto, é posicionar a região com o cenário natural de produções audiovisuais portuguesas e internacionais. A luminosidade, que pode aumentar a productividade das filmagens, as boas acessibilidades, a diversidade de cenários – praia, serra, património histórico -, e a hotelaria de qualidade são os factores que, segundo a AFC, colocam a região em vantagem. Entre os beneficios para o Algarve contam-se o ganho de receitas directas, já que estima que, em média, 30 por cento do orçamento de uma produção seja gasto na região de rodagem, a criação de emprego e a conquista de notoriedade junto de novos públicos.

O objectivo passa também por integrar o Algrave na Association of Film Commissioners International (AFCI), juntando-se aos 317 menbros já existentes, cuja esmagadora maioria se situa nos Estados Unidos, embora também haja muitas "film commissions" na Europa e Canadá.

Texto de Maria em:
http://www.escritacriativa.com/modules/newbb/viewtopic.php?topic_id=131&forum=2

fonte inicial: Correio da Manhã

Pós- -graduação em Jornalismo - Segurança e Defesa



Inédita no País pelo modo como combina o estágio operacional com a teoria sobre a matéria.

Uma iniciativa conjunta da Escola Superior de Tecnologia de Abrantes (ESTA) e da Escola de Tropas Aerotransportadas (ETAT), conta com a colaboração de peritos do Exército, docentes e jornalistas especializados nas áreas em questão.

"Além de cadeiras de história, estratégia, geopolítica ou condução da guerra nos tempos modernos, o curso foi pensado ainda para dar "um traquejo sobre meia dúzia de ensinamentos no terreno" - nomeadamente sobrevivência, segurança e eficácia na recolha da informação, importantes para os jornalistas, militares e gente das Relações Internacionais e História Contemporânea a quem o curso se destina"
Todo o artigo em:
http://dn.sapo.pt/2006/11/13/media/ler_a_guerra_salva_reportagens_e_vid.html

(Coimbra) Ciclo Design: DESIGN PROTEGIDO: DO CONCEITO AO REGISTO

Quinta-feira, 16 de Novembro de 2006, 21h
Livraria Almedina
Estádio Cidade de Coimbra
Rua D. Manuel I, n.° 26 e 28 Coimbra

Com:
Isabel Borja, Designer
Paula Gris Grais, Designer

Organização: Livraria Almedina, Centro Português de Design e Ideias Concertadas

(Lisboa) Ciclo Falar de Imagens: DIREITO À IMAGEM


16 de Novembro,19h
Livraria Almedina, Atrium Saldanha, Saldanha, Lisboa

Com
Adriano Miranda, fotojornalista
Francisco Teixeira da Mota, advogado
Depoimento de Pedro Ornelas, jornalista

  • O que está consagrado na lei portuguesa sobre as imagens?
  • Teremos direito e possibilidade de nos opormos a que outros nos transformem em imagens?
  • Em que condições temos o direito de registar e difundir as imagens do que ocorre na nossa proximidade?

Falar de Imagens é um diálogo com criadores e utilizadores de imagens. Os modos de estas serem fabricadas, os contextos em que nascem e são divulgadas, as utilizações que delas fazemos, serão alguns aspectos desta reflexão. A sua leitura será também proposta com exemplos concretos sempre que possível. As imagens estão por todo o lado. A reflexão deve ser sua companheira.

Organização: José Carlos Abrantes e Almedina

segunda-feira, novembro 13, 2006

(Porto) JORNADA DE REFLEXÃO SOBRE O PORTUGUÊS USADO NA IMPRENSA HODIERNA


16 de Novembro de 2006 RELEMBRAR!
Auditório da Universidade Fernando Pessoa

A Jornada, subordinada ao tema O PORTUGUÊS USADO NA IMPRENSA HODIERNA, pretende – é mesmo seu objectivo prioritário –, através de um amplo debate entre profissionais da Imprensa/docentes do curso de Ciências da Comunicação e outros, contribuir para uma alargada e profícua discussão em torno dos mais prementes problemas com que os primeiros se vêem confrontados, no dia-a-dia, no exercício do seu múnus, mormente os que respeitam ao uso da linguagem, temática nunca por demais disseccionada e, daí, para o aprofundamento dos estudos jornalísticos na UFP.

informação enviada pelo Gabinete de Comunicação e Imagem

Programa e outras informações em:
http://www.ufp.pt/events.php?intId=10082

(Lisboa) Selecção de filmes da 3ª edição do IndieLisboa


20 e 24 de Novembro de 2006
Reitoria da Universidade de Lisboa

Apresentação de uma selecção de filmes exibidos na 3ª edição.

“Megacities” de Michael Glawogger, “Is it Really So Strange?” de William E. Jones, “Play” de Alicia Scherson (Grande Prémio Cidade de Lisboa), “Screaming Masterpiece” de Ari Alexander Ergis Magnússon, e as curtas metragens “La Femme Seule” de Brahim Fritah, “Oh My God” de John Bryant, “Impending Doom”, de Edgar Pêra e “Assembleia” de Leonor Noivo.

Recorda-se que a edição de 2007 do festival de Cinema Independente - IndieLisboa - vai realizar-se entre 19 a 29 de Abril de 2007.

INDIELISBOA
Rua Almirante Barroso, nº 11 - 1º, 1000-012 Lisboa, Portugal
tel. 21 315 83 99
fax 21 316 00 57

Premiados - 5º Festival de Vídeo de Corroios - Videocor'2006

Concorreram ao Vídeocor deste ano 90 trabalhos, de realizadores de vários pontos do País e Estrangeiro, tendo sido seleccionados 44 para exibição.

Os trabalhos foram avaliados pelo júri do Festival, constituído por José Alves, licenciado em estudos cinematográficos e audiovisuais e professor de Tecnologias de Comunicação Audiovisual na Escola Secundária Artística de António Arroio, Carlos Santos, director do Festival e membro do executivo da Junta de Freguesia de Corroios, António Rui, operador de câmara e reportagens de vídeo, e Luís Godinho da Associação Move-a-Mente, que premiou os seguintes videogramas:

1.º Prémio Animação
"Porquê" de José Pinto e Joel Sousa
"Porquê" é uma curta metragem de animação sobre um miúdo (em plena "idade dos porquês") que bombardeia os pais com perguntas sobre todos os assuntos. Estes, já habituados à situação, respondem inventando histórias mirabolantes sobre um duende, que vive no frigorífico e é responsável pelo "mágico acender de luz do frigorífico".

1.º Prémio Ficção
"Berço de Pedra" de Nuno Rocha.
Carlos está desempregado, vive sozinho e encontra-se perante um problema complica: em 24 horas será colocado fora de casa, a não ser que consiga arranjar o dinheiro para pagar a renda que deve.
Sem dinheiro, procura antigos amigos. Um deles apresenta uma solução garantindo-lhe que poderá ajuda-lo na resolução dos os seus problemas financeiros. Com apenas uma morada num pedaço de papel e nada a perder, segue o conselho do velho amigo.

1.º Prémio Documentário

"Momento com registo" de Miguel Lameiras
Em Novembro de 2005, Paulo Seixas um seropositivo de 45 anos, a morar em Vila Nova de Gaia, inicia um processo de exploração para encontrar uma orientação de vida. É registado e acompanhado por uma equipa de produção audiovisual através de uma interacção documental, que se inicia com a oferta de uma máquina fotográfica ao protagonista.
Com as caminhadas do quotidiano de Paulo, é definido um registo focado na exploração de varias situações que é confrontado neste momento de vida, constituído por desafios e escolhas a nível profissional, estado de saúde e objectivos pessoais.
As principais actividades do quotidiano de Paulo são o restauro da casa, formação profissional, análises clínicas, sessão de acupunctura e yoga.
Todos estes desafios contribuem para uma reflexão pessoal que convergem numa atitude optimista perante as circunstâncias de vida em que se encontra.
Todos os desafios são um catalizador para Paulo reflectir sobre o seu passado, presente e sonho de futuro. Em suma, sobre a maneira como procura viver visando uma maior qualidade de vida.
Com o desenvolvimento e conclusão do documentário, apresenta-se o resultado dos desafios que Paulo encarou através do restauro do corpo e da mente.

Menções honrosas: "Esperância" - animação de Cláudio Jordão; "Rua das Madres" - documentário de Filipa Bravo; "Quando eu morrer" - ficção de Luis Campos; "Inquérito Privado" - ficção de Henrique Bento.

Festival realizado pela Junta de Freguesia de Corroios, com o apoio da Associação Move-a-Mente e Câmara Municipal do Seixal.

Para o ano há mais!

sábado, novembro 11, 2006

(Lisboa) 16.ª edição do Congresso das Comunicações.

14, 15 e 16 de Novembro de 2006
Centro de Congressos de Lisboa, na Junqueira (antiga FIL)

Partindo do pressuposto de que "No Futuro tudo será novo", a edição deste ano apresenta um formato diferente com a realização de várias sessões em simultâneo, permitindo desta forma o debate e a análise de mais temáticas. Um congresso promovido anualmente pela Associação Portuguesa para o Desenvolvimento das Comunicações - APDC

De entre os vários temas que irão estar em debate, um dos destaques vai para o painel que, pela primeira vez, irá reunir à mesma mesa a ERC, a ANACOM e a Autoridade da Concorrência, encontrando-se também prevista para este painel a participação do responsável pela Comissão Federal de Comunicações dos Estados Unidos, a homóloga norte-americana da ANACOM. Este debate, subordinado ao tema "O Papel da Regulação: Concorrência, Telecomunicações e Conteúdos" está agendado para as 17h00 do primeiro dia de trabalhos - 14 de Novembro.

Em paralelo com o Congresso irão ainda decorrer uma série de iniciativas, com particular destaque para mais uma edição do Business Lounge. Definido como "a grande mostra do sector das TIC em Portugal", o Business Lounge é uma exposição profissional aberta a todos os actuais e potenciais consumidores de TIC, quer públicos quer empresariais, e que tem como público alvo os profissionais consumidores de telecomunicações.

Para mais informações:
http://congresso.apdc.pt/

(Lisboa) Curso de desenho de tipos de letra

"Design your type" é um curso de desenho de tipos de letra que se realiza no Instituto de Artes Visuais, Design e Marketing [IADE] em Lisboa, entre 16 de Novembro e 19 de Dezembro, coordenado por Ruben Dias e Ricardo Santos.

O curso dirige-se a profissionais e estudantes de design e arquitectura e pretende que os alunos criem um tipo de letra a partir de sinais gráficos com os quais se relacionam no seu quotidiano. O método utilizado é a experimentação caligráfica do sinal que se pretende transformar num tipo de letra, interpretando e explorando as origens das formas. O desenho do tipo de letra é realizado no Fontographer sendo as questões técnicas e históricas discutidas com o desenvolvimento dos projectos.

O curso decorre todas as terças e quintas, das 19h30 às 22h30. Os trabalhos são desenvolvidos em plataforma Macintosh devendo os alunos possuir conhecimentos de programas de desenho vectorial como o Illustrator e o Freehand.

As inscrições terminam a 13 de Novembro.

Mais informações:
Secretaria do IADE [Segunda a Sexta das 10h às 22h]
Av. D. Carlos I, 4, 1200-649 Lisboa
Tel. 21 393 96 00
Fax 21 397 85 61

http://www.iade.pt/

fonte: Instituto das Artes

Financiamento - Programa Cultura (2007-2013)

O calendário de apresentação de propostas de financiamento no âmbito do Programa Cultura (2007-2013), o próximo quadro comunitário de apoio a projectos artísticos e culturais, já foi parcialmente estabelecido.

Termina a 22 de Dezembro do corrente ano as candidaturas para apoio a organismos activos no plano europeu no domínio da cultura e a 28 de Fevereiro de 2007 as candidaturas para acções de cooperação (com duração até 24 meses), para projectos plurianuais de cooperação (com duração entre 3 e 5 anos) e para projectos de tradução literária.

O Programa Cultura (2007-2013) pretende sedimentar a partilha de um território cultural partilhado por europeus e baseado num património cultural comum pela promoção e cooperação cultural entre criadores, operadores culturais e instituições culturais dos países participantes no Programa.

Mais informações:
Ponto de Contacto Cultural
Ana Paula Silva
Palácio Nacional da Ajuda, Ala Norte, 3º Andar 1300-018 Lisboa
Tel. 213 619 310 213 619 313
cultura2000@min-cultura.pt

www.cultura2000.min-cultura.pt

fonte: Instituto das Artes

sexta-feira, novembro 10, 2006

(Lisboa) Fórum Mundial de Marketing e Vendas

20 e 21 de Novembro de 2006
Centro de Congressos de Lisboa

A HSM realizará pelo segundo ano consecutivo o Fórum Mundial de Marketing e Vendas, no qual as mais prestigiadas autoridades analisarão em profundidade as últimas tendências e avanços neste sector.Qual é a sua estratégia de marketing?

Workshops
Após as jornadas, terá a oportunidade de trabalhar num ambiente exclusivo e privado, onde poderá: • Aprofundar conceitos• Colocar as suas perguntas• Interagir com os especialistas
Os workshops têm uma lotação limitada. Os lugares disponíveis serão atribuídos consoante a ordem de inscrição no evento.
Poderá optar entre: • WORKSHOP COM PHILIP KOTLER• WORKSHOP COM RENÉE MAUBORGNE

Promoção especial de inscrição válida até 17 de Novembro de 2006

Mais informações em:
http://www.hsm-es.com/fmmv/pt/sobreFMMV.html

(Lisboa) Cursos no Atelier de Lisboa

Cursos:
Estudos Técnicos
Iniciação Máquina Fotográfica
Iniciação Estúdio
Fotografia de Médio e Grande Formato
Câmara e Iluminação

Laboratórios
Laboratório Preto e Branco I
Laboratório Preto e Branco II
Laboratório Digital I
Laboratório Digital II

Workshops
Workshop Pin-Hole
Workshop Emulsão Líquida

Estudos Teóricos
História da Fotografia
Linguagem Fotográfica
Fotografia Contemporânea
Linguagem Cinematográfica
Filosofia, Fotografia e Comunicação
Filosofia da Arte
Fotografia e Internet

Projecto
Projecto Fotográfico I
Projecto Fotográfico II

Mais informações:
Atelier de Lisboa
Av. Miguel Bombarda, 70 - 2º Sala B 1050-166 LISBOA
Telefone: 21 794 21 33
Telemóvel: 91 397 12 43 / 96 71 61 997
Fax: 21 794 21 33
Email: info@atelierdelisboa.pt

Site: http://www.atelierdelisboa.pt/

(Lisboa e Porto) Lançamento do filme "Ensaio sobre o Teatro"

Rui Simões é o realizador deste filme que tem duas ante-estreias previstas, em Lisboa, na Cinemateca Portuguesa no dia 13 de Novembro, e no Porto, no Teatro Nacional São João a 20 de Novembro, ambas às 21h30.

"Ensaio sobre o Teatro" parte da adaptação teatral da obra literária de José Saramago "Ensaio sobre a Cegueira", pelo Teatro O Bando, estreado em 2004. Trata-se de um longo documentário sobre o processo criativo até à estreia, constituindo em si um ensaio sobre a arte de fazer teatro. O filme é produzido pela Real Ficção e tem a duração de 90 minutos.

Nas ante-estreias vão estar presentes, para além do realizador, João Brites (dramaturgia e encenação), Jorge Salgueiro (autor da música original) e José Saramago (autoria do texto original) que marcará a sua presença somente em Lisboa.

Mais informações:
Rita Gonzalez - Real Ficção
Tel. 21 324 00 61
www.realficcao.com/

fonte: Instituto das Artes

quinta-feira, novembro 09, 2006

(Lisboa) Apresentação pública de relançamento do jornal "Le Monde diplomatique"

Edição portuguesa.

Apresentação pública de relançamento do jornal dia 9 de Novembro no Instituto Franco-Português.
A apresentação pública da nova edição decorrerá a partir das 18:30 no Auditório do Instituto Franco-Português com a presença da directora do jornal, Sandra Monteiro, e do presidente da cooperativa Outro Modo, José Aranda da Silva, tendo sido convidados Alfredo Maia, António Borges Coelho, Diana Andringa, José Luís Peixoto, Mário Mesquita, Mário Soares.

Instituto Franco-Português
Av. Luís Bivar, 91 1050-143 Lisboa
Tel : 21 311 14 00

(Lisboa) Ciclo de debates na Arte Lisboa

Feira Interncioanl de Lisboa (FIL) - Parque das Nações

A edição de 2006 da Arte Lisboa, Feira de Arte Contemporânea, que se realiza de 9 a 13 de Novembro na FIL - Parque das Nações, integra um ciclo de sete debates sobre criação contemporânea, organizados pela ArteCapital, e que conta com a participação de cerca de 35 curadores, críticos e artistas, portugueses e estrangeiros.

Dia 9 de Novembro de 2006, pelas 18h00
Paulo Reis e David Barro coordenam o debate subordinado ao tema "Portugal, Espanha e Brasil: 3 países para um projecto", que tem como convidados Albano Afonso, Álvaro Negro e Pedro Calapez.
Pelas 19h45, Dália Dias coordena o debate "EKPHRASIS: Entre o verbo e a figuração plástica, reconstrução dos sentidos", sendo convidados André Ruivo Matias, Fernando Luís Sampaio, João Jacinto e Maria Manuel Baptista .

Dia 10 de Novembro de 2006, pelas 18h00
Debate "A arte de coleccionar Arte" coordenado por Filipa Oliveira, participam Anísio Franco, Gill Hedley e Pedro Lapa.
Pelas 19h45, é discutido o tema "Fotografia: políticas e práticas", com coordenação de José Maçãs de Carvalho, tendo Alexandre Pomar, Delfim Sardo, Horacio Fernández, João Mário Grilo, Pedro Letria e Rui Prata como convidados.

Dia 11 de Novembro de 2006, pelas 16h30
O coordenador João Silvério propõe aos convidados João Leonardo, Maria do Mar Fazenda, Pedro Barateiro e Ricardo Nicolau uma discussão em torno do tema "Artistas emergentes e curadores".
Pelas 18h00 o tema em análise será "Arte Digital e Media Art", com coordenação de Maria da Luz Nolasco e tendo como convidados Ana Figuiera, Fernando José Pereira, João Raposo, Mário Vairinhos e Pedro Cabral Santo.
Pelas 20h00, Isabel Carlos propõe a Deepak Ananth e Jürgen Bock uma discussão a partir do tema "Como trabalhar a dicotomia periferia-centro".

A Arte Lisboa 2006 tem como expositores 66 galerias, de entre as quais 47 portuguesas e 19 estrangeiras e está aberta ao público das 16h00 às 22h00 no Pavilhão 4 do recinto de exposições da FIL no Parque das Nações, em Lisboa.

Mais informações em:

(Barcelona, Espanha) Docs Barcelona 2007

1, 2, 3, 4 February 2007

Deadline: 4 december 2006 to submit a project
you will first need to fill in a registration form. Each project can be presented by up to 2 pitchers. NOTE: Please submit one form per person who wishes to attend.
Next, all projects must be submitted in English, with a maximum length of 2 pages, in either Word (PC platform) or PDF format. The following information must be included:
Page 1:
Synopsis and Treatment
Page 2:
CV of the Production companyDirector's CVProducer's CVOverall budgetFunding plan
Images
If possible, please send a 3’ video clip (DVD or VHS). This can be a trailer, footage or photographs taken during research, or one of the director’s previous works, as a visual reference for the project.
Projects must be sent by e-mail to registration@docsbarcelona.com (Subject: Project title).
Please send all video clips by post to:
DOCSBARCELONAParallel 40C/ Mallorca 209, pral.08036 Barcelona, España.
(Note: DVD and VHS tapes will not be returned)
All projects and video clips must arrive in our office by 4 December 2006 at the latest. Projects arriving after this date will not be considered for selection. The titles of the selected projects will be posted on this website in the Pitching section, on 18 December.

Pitching Forum
Pitch: Presentation of a project for a commissioning editors’ panel.Pitcher: Person who presents the project.Length: 7 minutes + 7 minutes for questions and answers.Dates and schedule: 1 and 2 February 2007, from 10 am to 2 pm.Where: Teatre Alegria, in Terrassa.
One-to-one meeting: Individual meeting between a commissioning editor and the pitcher/s presenting a project.Dates and schedule: 1 and 2 February 2007, from 3 pm to 6 pm, approx.Where: Nova Jazz Cava, in Terrassa.

Mais informações em:
http://www.docsbarcelona.com/en/pitching_forum.html

(Madrid, Espanha) Documenta Madrid 2007

IV International Madrid Documentary Festival

From May 4th through May 13th

Registration is to be done ONLINE at the festival webpage Documenta Madrid 2007

Deadline for submissions: December, 31th

quarta-feira, novembro 08, 2006

(Lisboa) Exposição fotográfica "Olhar para as paredes"

Inauguração:
5ª.a-feira, dia 9, pelas 21,30
Instituto Português de Fotografia

Exposição "Olhar para as paredes", dos formandos do Curso Profissional de Fotografia.
São trabalhos produzidos em férias e editados por três dos Professores, ou seja, apresenta três visões distintas do mesmo acervo de obras. Estarão, assim, em confronto e diálogo, não só as visões de mais de cinquenta jovens fotógrafos, mas também as interpretações feitas pelos três professores. Tema comum "Diário de Férias".

Aberta ao público:
10 de Novembro a 15 de Dezembro de 2006
Todos os dias úteis:
10h30 às 12h30
15h00 às 18h00
19h30 às 21h30
Rua da Ilha Terceira, 31A 1000-172 Lisboa
Tel: 213 147 305
www.ipf.pt
ipf.lisboa@ipf.pt -

(Santa Maria da Feira) Novembro no Cineclube da Feira

Quintas-Feiras e Domingos - 21h45
Auditório da Biblioteca Municipal
Tel:256 374 032
Email: festival@cineclubedafeira.net

9 de Novembro
PROFISSÃO: REPÓRTER de Michelangelo Antonioni
Itália 1975, 120’

12 de Novembro
VOLTAR (Volver) de Pedro Almodóvar
Espanha 2004, 120’

19 de Novembro
A LULA E A BALEIA de Noah Baumbach
EUA 2005, 88’

23 de Novembro
OS AMANTES REGULARES de Philippe Garrel
França 2005, 178’

26 de Novembro
WOOD & STOCK: SEXO, ORÉGANO E ROCK’N’ROLL de Otto Guerra
Brasil 2006, 81’
APRESENTAÇÃO DO 10º FESTIVAL DE CINEMA LUSO-BRASILEIRO DE SANTA MARIA DA FEIRA

Mais informações em:
http://www.cineclubedafeira.net/

(Lisboa) Lançamento de livros


9 de Novembro de 2006, pelas 18:30
“Anúncios à lupa - ler publicidade” de Eduardo Cintra Torres, edição da Bizâncio. Livraria Barata (Av. de Roma, 11, Lisboa)
Apresentação de José Carlos Abrantes e Pedro Bidarra

14 de Novembro de 2006 (durante o seminário internacional do CIMJ)
“Televisão: das audiências aos públicos” de José Carlos e Daniel Dayan (organizadores), colecção Media e Jornalismo (Livros Horizonte/CIMJ), com o apoio da Fundação Calouste Gulbenkian.
O livro tem contributos de Carlos Fogaça, Daniel Dayan, Dominique Mehl, Eduardo Cintra Torres, Eliseo Veron, Guillaume Soulez, Jean-Pierre Esquenazi, John Fiske, José Carlos Abrantes, Jostein Gripsrud, Sabine Chalvon e Todd Gitlin. O livro inclui ainda uma síntese elaborada por Felisbela Lopes a partir de contributos de António José da Silva, Isabel Ventura, José Jorge Barreiros e Tito Cardoso e Cunha.

16 de Novembro de 2006, pelas 18:30
“Sigilo profissional em risco. Análise dos casos de Manso Preto e de outros jornalistas no banco dos réus” de Helena de Sousa Freitas, na colecção Comunicação da editora MinervaCoimbra
FNAC Chiado, Lisboa.
A obra será apresentada pela jornalista Sofia Pinto Coelho e conta com a presença do jornalista Manso Preto, de Alfredo Maia (presidente do Sindicato dos Jornalistas) e de Mário Mesquita (director da colecção Comunicação).

28 de Novembro de 2006, pelas 18:30
"Viver a telenovela. Um estudo sobre a recepção” de Verónica Policarpo, colecção Media e Jornalismo.
Sala dos Descobrimentos da Biblioteca João Paulo II, na Universidade Católica.
A apresentação estará a cargo da professora Isabel Ferin (Universidade de Coimbra).

Ainda sem data prevista
“A televisão ‘light’ – rumo ao digital” de Francisco Rui Cádima
Uma reflexão em torno do tema da qualidade dos conteúdos televisivos e da sua importância crucial para a Cidadania.

(Porto) Lançamento de Livros

9 de Novembro de 2006, às 18h30
Universidade Fernando Pessoa